Setor de cirurgia geral tem papel estratégico no Ana Nery; assista vídeos e confira

O setor de cirurgia geral do Hospital Ana Nery (HAN) desempenha papel altamente estratégico na unidade, que é referência no estado para o tratamento de cardiopatias e nefropatias.

De acordo com o médico Dr. Jorge Rescala, coordenador do serviço de cirurgia geral do HAN, o setor atua em pacientes com comorbidades cardíacas, pulmonares muito severas.

“Em pacientes que não teriam condições de serem operados em outros hospitais, exatamente porque aqui temos todo o apoio das outras enfermarias – cardiologia, pneumologia, clínica médica e nefrologia.  Também em pacientes que têm implantes de marcapassos, desfibriladores, nos quais outros hospitais do estado teriam dificuldade de reunir as condições de apoio clínicas e instrumentais que pudessem resolver a situação desse paciente tão complexo”, disse.

Segundo Dr. Rescala, a cirurgia geral do Ana Nery possui duas facetas:

“Uma delas é a cirurgia minimamente invasiva, que é a cirurgia videolaparoscópica, onde temos a oportunidade de atuar em vários órgãos e sistemas; cirurgias menos complexas, como colecistectomias; e cirurgias mais complexas, como cirurgia de esôfago, como megaesôfago. E também, é bom a gente frisar que [O HAN] é a única residência estabelecida em videolaparoscopia aqui no estado. A outra faceta é a cirurgia aberta, cirurgias de grande porte, oncológicas, além de cirurgias menos complexas, como cirurgias de hernia”, explicou.

O médico também destacou que o setor ainda atua prestando assistência aos outros serviços instalados no hospital, como cirurgia cardiovascular, nefrologia, clínica médica.

“Nós atuamos ajudando na resolução das complicações inerentes ao procedimento dessas especialidades. Então, resumindo, o serviço de cirurgia geral tanto tem uma atuação primária, em pacientes graves, cirurgias de grande porte, como em cirurgia videolaparoscópica; e também na resolução de afecções que afetam pacientes oriundos de outros serviços aqui do hospital”, concluiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Olá, em que posso ajudar?