Setor de Fisioterapia

A falta de movimentação no leito culmina em diversos efeitos deletérios ao paciente, pois compromete a função cardiovascular, respiratória, musculoesquelética e outros sistemas, levando ao aumento do tempo de internação, redução da funcionalidade e prejuízo na qualidade de vida mesmo após a alta hospitalar.

Portanto, para prevenir as complicações do imobilismo e acelerar a recuperação dos pacientes internados, a equipe de fisioterapia do Hospital Ana Nery utiliza diversos recursos, como: cicloergômetro (minibicicleta), eletroestimulação funcional, ventilação não invasiva, halter, caneleira, bola suíça, faixa elástica, transferência para poltrona, deambulação precoce no pós operatório e circuito funcional.

Estudos apontam que a retirada precoce do leito, resulta em melhora do status funcional, menor tempo de internação hospitalar e diminuição de custos. Por isso “a mobilização precoce é segura, viável e deve ser encorajada desde a admissão na UTI, no pós operatório imediato, e continuada nas unidades abertas, visando sempre a independência funcional e a melhora da qualidade de vida do paciente”, comenta Roberval Prado, Coordenador de Fisioterapia do HAN.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Olá, em que posso ajudar?